Como enviar email criptografado

Se você quer enviar e-mails criptografados, a forma mais fácil (e grátis) de fazer isso hoje é criando uma conta no ProtonMail.

O ProtonMail permite enviar e-mails com criptografia de ponta a ponta (o que garante que só você e quem receber o e-mail podem ler o conteúdo), em conjunto com criptografia de acesso zero (zero knowledge) para proteger os e-mails. Isto significa que nem mesmo eles do ProtonMail podem descriptografar e ler seus e-mails.

Quando você envia um e-mail pelo ProtonMail, se o destinatário também utilizar ProtonMail, a criptografia de ponta a ponta é ativada automaticamente. Caso o destinatário use um e-mail que não seja do ProtonMail, há duas opções para garantir que só você e o destinatário tenham acesso ao conteúdo:

A primeira, e de longe mais fácil: Você pode combinar com o seu destinatário uma senha para proteger o e-mail. Assim, quando você for enviar o e-mail pelo ProtonMail para ele, basta clicar no canto inferior esquerdo no botão de cadeado:

Vai abrir uma tela para que você possa digitar a senha combinada com o seu destinatário:

E pronto, é só enviar. O seu destinatário vai ter que digitar a senha para ver o conteúdo (incluindo os anexos!).

A segunda alternativa é mais complicada, e é o destinatário criar um par de chaves PGP, e ele compartilha com você a chave pública, que pode ser importada na tela de contatos do ProtonMail. Assim, o ProtonMail usará essa chave importada para criptografar automaticamente ao enviar para esse contato. O destinatário precisará instalar um cliente de e-mail compatível com PGP.

Como eu disse no início, o ProtonMail pode ser utilizado gratuitamente, com armazenamento de até 500MB. Caso você precise de mais espaço, ou de recursos mais avançados, como utilizar seu próprio domínio, há outros planos que são pagos e que podem ser vistos aqui.